zine

MUSE: ALEPH

This is "Aleph", or "Alix", or "Aloysius", depending on what my head was in 2014, when I completed his picture. This muse is based on forever blonde californian guy Sean Patrick, shot by Melvin "Mel" Roberts in the late 70's. From orange to black-and-white, from vintage polaroids to computer screens.

A photo posted by IZM SANMA (@izmsanma) on

This faun-like, pre-pubescent looking guy illustration was printed and poster-bombed on a decadent São Paulo building, part of the 1st "Festival Queer" art scene in downtown São Paulo. had the original and glitched versions made into the walls with the help of some friends and other artists who resided there.

A photo posted by Cezar Andrade (@schimou) on

Following this event, I also put him the cover of my "BLACKBOOK", a DIY zine featuring some of my digital and sketchbook illustrations for PopPorn #4, also in 2014. "ALEPH" is now for sale as posters and fine art prints via Artflakes.

MUSE: PAUL

"Paul" é o meu primeiro muso, descoberto nos meus arquivos de revistas vintage - e no meio de muitos outros, o que me chamou a atenção foram a elegância do corpo, seus traços delicados e um cabelo que não se faz mais como antigamente. Trabalhei a figura no meu sketchbook, em zines e em outras artes, e o coloquei de logo para o GGE.me. 

Paul is my first muse, found while I was going through my vintage magazine archives - he caught my attention in between hundreds of others guys elegant body, delicate features and this gorgeous fluffy late 70's hair wich we don't see very often nowadays. Since this discovery, I put him in my sketchbook, zines and in the GGE.me logo.

A photo posted by IZM SANMA (@izmsanma) on

A photo posted by IZM SANMA (@izmsanma) on

O muso aparece em dose dupla no desenho "SUNFLOWERS" [2010], editado em zines por aí. Desde então redesenhei os girassóis dessa arte, e ainda tenho planos de fazer novos upgrades. Considero "SUNFLOWERS" e até o próprio "PAUL" trabalhos em progresso até hoje. "PAUL" está a venda como pôster e fine art prints via Artflakes.

This muse is featured also in "SUNFLOWERS" [2010], wich I upgraded since its' first zine appearances. I consider "SUNFLOWERS" a work in progress, also "PAUL" in some extent. And while I don't work in further editions, I'll tell you that "PAUL" is avaliable for sale as posters and fine art prints via Artflakes.

IZM&GGE.me + NIGHTS IN BLACK LEATHER @ PLAYGROUND

Nesse sábado sai uma nova tiragem do meu fanzine "BLACKBOOK", que é um trabalho em progresso e em edições ocasionais - a primeira saiu no PopPorn #4, a segunda na festa XXXCESS. E agora Flávio Ghidalevich convida a se jogar na Nights in Black Leather com a francesa Eva Peel, performers e go-go girls, e ainda levar minha arte como souvenir. Trés chic.

NIGHTS IN BLACK LEATHER FLYER LAYOUT BY LEANDRO BEVILACQUA, ILLUSTRATION BY IZM

GGE.me - NIGHTS IN BLACK LEATHER FLYER B

mood do projeto é inspirado em Peter Berlin: sex symbol, pornstar, artista, auto-muso e sedutor de síndicos [That Man]. Eu gosto do Peter - acho ótimo, um self-made done right. Não imagino que ele se divertiu tanto quanto trabalhou, mas a jornada foi interessante - conquistou John Waters, Mapplethorpe e outros fãs na juventude [e senilidade, julgando pelo síndico]. E hoje fica a iconografia.

A photo posted by IZM SANMA (@izmsanma) on

A proposta é bem representada nos flyers digitais, que evoca a época e a o próprio Nights in Black Leather [1973] - que assisti de ser louco de vintage. Aliás, a época é uma super fonte de inspiração - tanto pelos estilos de arte e linguagem gráficas quanto pelas modas e modelos. Acho que um pouco desse feeling já é permanente nas minhas idéias e processos. Acho também que esse boy da ilustração orna com a festa e o flyer.

GGE.me - NIGHTS IN BLACK LEATHER FLYER - IZM

E, sem modéstia, acho que eu orno com o clima do flyer. Mas esse é de brinks.

O zine Go-Guy Express tem 20 páginas A5 e ilustrações inéditas: a figura do convite é o centerfold. Mantive esse boy offline até essa nova arte, devidamente editada e censurada para o formato. O negócio para ver o desenho é pegar uma cópia no Sábado - a festa rola na Playground. A quem interessar, as infos estão no Facebook, mas já deixo o local pra quem está calculando rolês:

GGE.me-PLAYGROUNDAUGUSTA

CLUBE DO BORDADO + GO-GUY EXPRESS BLACKBOOK @ POP PORN #4

Um lance ótimo no festival PopPorn desse ano foi sentar na feira de zines e conhecer a galera que está aí fazendo arte, trocando uma ou outra idéia muito jóia. Foi nessa que conheci, no sábado e domingo, a Vanessa Israel e a Amanda Zacarkim, do Clube do Bordado.

One of the best things in participating on the PopPorn zine fest was the chance to meet and greet other artists and get to know their work and ideas behind it, first hand. That's how I met Vanessa Israel and Amanda Zacarkim, of Clube do Bordado [Embroidery Club].

GGE.me - CLUBE DO BORDADO

O Clube faz arte softcore usando linhas e tecido, e também edita prints dos designs mais populares. Gostei de tudo o que vi: O suporte é tão charmoso quanto as meninas, e os layouts combinam humor e sensibilidade dando um up no ofício. Muito bem executado; considere que alinhar tal tradição manual com idéias contemporâneas, sem cair no cafona, não é fácil. Zeitgeist e tudo mais.

The Club is all about doing embroidery in an old-fashioned way, making things out of fabric and thread, only with a fresh twist: the art is all about softcore porn and dirty talk. I liked everything they brought to the table and got a card featuring Amanda's design, wich I hung on my wardrobe. The art is fun, delicate and up-to-date, wich is actually hard to achieve without getting too kitschy.

A photo posted by IZM SANMA (@izmsanma) on

No domingo do evento fiquei de papo com a Amanda e fomos entrevistados para um canal de TV que nunca passou os vídeos, então não tenho registro. Por outro lado, a Amanda estava acompanhada do boy Gustavo Velho, video maker, e com ele fez uma promo DIY, que cobriu tanto as atividades do Clube quanto um pouco do clima do festival, capturando uma pontinha do que rolou por lá.

I spent the sunday hanging around Amanda and we did interviews for a local TV station that never aired the segments, so I have no record of it. On the other hand, Amanda got her personal video maker Gustavo Velho to shoot a DIY promo for herself, covering the Club activities and the mood of the event in a fine footage, beautifully shot and directed.

A edição do vídeo está caprichada, com praticamente todo mundo nos estandes fazendo uma pontinha. E pegando carona nesse take da Insólito, GIFei dois momentos do meu "BLACKBOOK", no começo fim do vídeo. Se liga aí:

The video edit is very well done, and most of the people in the zine room got a cut in it. And since I appeared for a couple seconds, I took the chance to GIF myself and my "BLACKBOOK" - because I'm shameless like that. Take a look:

GGE.me -BLACKBOOK GIF N1
GGE.me -BLACKBOOK GIF N2

THE "TEO" COMPLETE SERIES

Felipe Teobaldo é uma figura conhecida da noite paulistana e da internet [eu mesmo o conheci no auge do Neonico, uma de suas empreitadas digitais de sucesso]. Fazia um tempo que eu queria incluí-lo em um de meus projetos de arte, e a inspiração chegou quando passei pelas fotos da U+MAG de Agosto de 2011, THE SEX ISSUE, onde ele estrela um editorial com fotos por João Arraes.

Felipe Teobaldo is pretty much a staple of São Paulo nightlife, and he's also well known online through his many digital endeavours. I've always wanted to include him in some of my artworks, and the inspiration came when I got hold of the U+MAG editorial by João Arraes, in wich he figures as a sexy party of one.

Depois de me animar com o editorial, perguntei ao Teo se ele topava que eu fizesse uma releitura das imagens, criando uma série original. Ele foi legal de concordar e me mandar as fotos em alta para que eu pudesse trabalhar em cima. E apesar de eu gostar bastante dos cliques, achei que simplesmente redesenhar as fotos não iria dar tanto impacto. Saca só:

This editorial pretty much gave me the kick to start a new series of artwork, so after asking Teo if he minded borrowing his likeness, he sent me the high res pictures. I liked everything he  gave me to work with, but I felt that the pictures would be quite dull in drawing form. Think about it:

Para transformar o velho em novo, é preciso intervir com um pouco mais de criatividade. Por isso, com essas cinco fotos na mão, decidi levar a minha série mais para o clima de party of one que senti nas originais, incrementando todas as cenas com elementos que combinassem com esse tema.

Pensei em deixar a série como um fim-de-festa meio bagunçado, tentando não exagerar nos acréscimos [afinal, existem bagunças e bagunças, e nem tudo fica bonito]. Além das bebidas e das roupas largadas, coloquei toques pessoais como a bolsa Rocco/Coco Alexander Wang, revistas, papéis e sapatos,  encaixotados e largados.

Com o primeiro Teo e o cenário prontos, daí foi só desenvolver o resto da série seguindo o modelo. Daí de desenhar quando dá na telha enquanto coordeno outros projetos pessoais, demorei seis meses para completar a série. E aí ela vai:

In order to take something old and making it new, one needs to use creativity - Don't get me wrong, I love the pictures, I just felt that they were quite empty. So, with the five images on hand, I took the "party of one" mood and enhanced it drawing lots of props in a messy fashion.

My idea was doing a after-party, after-hours background, carefully placing items around Teo [after all, I wasn't going for garbage messy]. Some beers and clothes did the trick just fine, and I couldn't help to put some personal touches as Alexander Wang's Rocco/Coco bag and shoe boxes.

After I finished the first image, Teo and scenery all done and good, I just based the rest of the drawings on it. Since I only draw when I feel like it [and got ginomous ammounts of work and personal projects], it took me six months to finish the series. And there it goes:

PS

Os primeiros 4 desenhos do "TEO SERIES" saíram na edição de Primavera/Verão 2013 da revista francesa Character Magazine, acompanhados de uma mini-entrevista com IZM. Fora isso, mais detalhes da série como as linearts originais estão no FacebookTumblr Go-Guy Express. Segue lá!

The first 4 drawings of "TEO SERIES" were already published in the 8th issue of Character Magazine, Spring 2013. Plus, other details of the series like the original linearts are avaliable at Go-Guy Express Facebook and Tumblr Go-Guy Express. Follow me!

PRESS: "TEO" SERIES in CHARACTER MAGAZINE

Os 4 primeiros desenhos da série "TEO" acabaram de sair no 8o número da Character Magazine, edição de Primavera/Verão 2013. Character é um zine publicado em Paris por Eric Lanuit, e apesar da iniciativa ser pequena, o conteúdo é bem grande e selecionado no capricho - 378 páginas de arte, fotografia e textos originais vindos de colaboradores do mundo inteiro. Legal né?

The first 4 drawings of "TEO" series got published in the 8th issue of Character Magazine, Spring 2013. Character is a paris-based self publication by Eric Lanuit. Thought it's a small publication, it features a larger than life content over 378 pages of original art, pictures and articles from collaborators worldwide. And I'm excited to take part in this!

São 4 artistas que colaboram com essa edição, e a minha parte cobre 12 páginas da revista. Eu gosto muito da curadoria do conteúdo de cada número da Character, e foi um prazer publicar o começo dessa série com Eric. Veja todas as imagens de "TEO" via GGE.me ou pelo Tumblr Go-Guy Express, e leia a revista online via ISSUU, que vem com uma entrevista extra comigo.

There are 4 artists featured in this issue, and the "TEO" series cover a spam of 12 pages. I really like the art curated in every Character issue, and I'm really glad I could collaborate with Eric on this. Check out the "TEO" series in full via GGE.me or Go-Guy Express Tumblr. And see the magazine in full at ISSUU, featuring a brief interview with IZM.

FROM IZM'S SKETCHBOOK TO STARRFUCKER MAGAZINE

Hey hey hey!

Estou empolgado para atualizar o Go-Guy Express com boas notícias: IZM got press com três ilustrações na Starrfucker Magazine, incluindo uma inédita em página inteira. A Starrfucker #7 saiu agora com tiragem de mil cópias, todas assinadas e numeradas por Jeremy Lucido, fotógrafo e editor do zine em Los Angeles - CA. O tema da edição é "Beefcake" e o conteúdo é todo em pb.

I'm excited to update Go-Guy Express with some good news: IZM got press with three illustrations, featured in Starrfucker Magazine in a two-page spread. Starrfucker #7 - The Beefcake Issue is limited to 1000 copies, all signed and numbered by Jeremy Lucido, photographer and editor of the magazine based downton in LA. All the content featured in magazine is in black and white.

Mandei cinco desenhos para a revista, dos quais três foram selecionados para a edição. Além da inédita, entraram as figuras de "CANNABIS" e "THE OTHER COKE", que estão em pb no Tumblr e Facebook da Go-Guy Express e também à venda como pôster pela Urban Arts [1] [2].

I originally sent 5 drawings for the magazine, and 3 made the cut. The new illustration appears along with the artworks of "CANNABIS" and "THE OTHER COKE", wich are in Go-Guy Express' Tumblr and Facebook, and avaliable as fine print posters via Artflakes [1] [2].

E assim como as ilustrações do sofá e dos girassóis, esse trabalho digital é uma evolução de um desenho do meu sketchbook. Quanto ao personagem em si, ele está no caderno feito com nanquim e canetinhas cinza:

And as it happened with the sofa and sunflowers figures, this digital work is a new take on one of my sketchbook drawings. As for the character presented, he's originally done in ink and felt-tip gray markers:

Eu já tinha planos de fazer dessa figura um pôster digital, já que a original é um hit no meu sketchbook, haha. Daí ao passar pro computador coloquei um toque de realidade no esquema do "WILL DRAW FOR CLOTHES", acessorizando o boy com um óculos Ksubi. A Ksubi é uma de minhas marcas favoritas, representada aí pelo óculos Skeleton:

I always had plans to turn this image into a digital poster, since the original in my sketchbook gets lots of compliments, haha. So, as I did the adaptation, I hooked the guy on with a fashion accessory as I did in my "WILL DRAW FOR CLOTHES" piece. I gave him Ksubi Skeleton sunglasses. I absolutely love Ksubi and I think it really fits in the illustration.

Os três desenhos vieram acompanhados de uma nota simples comentando o meu trabalho "As ilustrações de IZM do Brasil são modernas, sexy e podem ser vistas em GGE.ME". E a revista em si chegou com uma polaroid de brinde.

Jeremy Lucido é conhecido por suas polaroids de pornstars, então achei super cool ter recebido uma de bônus, e ainda por cima assinada. Pra quem curte um brinde inesperado, está mais do que ótimo!

The three drawings got print with an additional note saying "ILLUSTRATIONS by IZM from Brazil are modern, sexy and can be found on GGE.ME." Starrfucker Magazine features creative queer art from all around the world in every issue.

And the magazine came with a bonus polaroid picture. Jeremy Lucido is well known by his porlaroids of pornstars, so I think it's very cool to get one as a gift - plus, it's signed!

A Starrfucker Magazine traz ensaios exclusivos com modelos e pornstars, mais fotos de arquivo da Physique Pictorial. Peça sua cópia da Starrfucker 07 - The Beefcake Issue aqui. E para se ligar em novas artes e números, curta a Go-Guy Express eStarrfucker Magazine no Facebook.

Starrfucker Magazine features exclusive photoshoots with models and pornstar, plus, a section from the archives of Physique Pictorial. Get your copy of Starrfucker 07 - The Beefcake Issue here, and buy "KSUBI" as a poster via Artflakes. If you like the content and want to see more, like us in Facebook via Go-Guy Express and Starrfucker Magazine.

 

CAPSLOCK IS DEAD

Nesse fim-de-semana rolou a última festa Capslock na Trackertower, evento que comecei a frequentar nesse ano, embora a festa tenha 2 anos. Encabeçado por Paulo Tessuto e o personagem Carlos Capslock, o circuito é sucesso e até entrou na lista de melhores do ano da Folha.

Com o encerramento das atividades e aposentadoria do Carlos, a última festa foi temática de velório com dress code total black e contou com aquelas coisas de sempre - gente bonita, interessante, música, drinks e tal, mais a tradicional [e última] edição do fanzine Capslock.

Já comentei antes de como de um tempo pra cá procurei me envolver mais com lugares, ambientes e pessoas onde o carão não é regra - eu sempre me interessei mais pelo que as pessoas fazem do que elas são. E já que eu faço ilustrações, porque não colocar elas por aí?

Participei dos dois últimos números do zine com SUNFLOWERS e WILL DRAW FOR CLOTHES, cujos processos criativos já descrevi aqui no blog. O desenho que entrou nessa edição foi o CANNABIS, que ainda não publiquei por aqui mas está na página Go-Guy Express no Facebook.

E levando adiante experimentos com cores e mais aplicações para os retratos, montei, no esquema das famosas Marilyns de Andy Warhol, uma versão mais que technicolor do nerd feioso mais querido de São Paulo. E que depois de sugestões na página do Facebook, virou GIF. Alerta de vertigens à frente - RIP, Carlos!

SUNFLOWERS [CAPSLOCK ZINE #10]

A ilustração apresentada aqui é entitulada "SUNFLOWERS", feita especialmente para a décima edição do fanzine CAPSLOCK - Distribuido gratuitamente na festa de mesmo nome, o fanzine é organizado por Leandro Cunha, que me convidou a participar pelo Facebook.

The illustration shown below is called "SUNFLOWERS", and it was done specially for the tenth issue of the CAPSLOCK zine - Given away in the party of the same name, the zine is curated by Leandro Cunha, who talked me in through Facebook.

Leandro viu a minha arte "TELEPHONE" e curtiu, perguntando se eu não tinha mais desenhos no estilo para colaborar com o fanzine, que é todo em preto-e-branco e xerocado no melhor estilo alternativo old school - e de fato, eu não tinha, pois a ilustração foi feita para o concurso "Homofobia Fora de Moda" há uns meses atrás.

Leandro saw my artwork "TELEPHONE" and he thought it would fit right in the zine - and when he asked me if I had something to offer in that style [since the zine is xerocated in a old school fashion]. Then I realized that I didn't have any art left in my archive since the "Homophoby Is Out Of Style" contest.

Mas enfim, falei com Leandro que eu podia fazer uma ilustração nova, já que os resultados do concurso saíram e a única coisa que eu ganhei foi uma adição no portfolio. Topei. E como não entrei em bandas ou fanzines na adolescência, porque não me jogar e tirar o atraso?

So I told Leandro that I would do a new illustration for the zine, taking the cue for doing something from zero since I earned nothing in that contest asides a new addition in my portfolio. And since I didn't participate in any zines in my teenager years, I thought "better later than never" and jumped in!

O desenho é derivado de um trabalho anterior, cópia de um modelo de revista vintage que está no meu sketchbook. O que me inspirou e motivou a trabalhar nisso foi, além da deixa para continuar a elaborar minhas composições, evoluir e aparecer. O resultado disso é a dobradinha em "SUNFLOWERS":

The new illustration is based on a quite old sketch, wich I drew after a model in a vintage magazine. Driven by the will to take my drawings to a new level, as I'm doing little by little, I took a step further in arrange and composition and refined the formula. The result is the duo in "SUNFLOWERS":

SUNFLOWERS

O fanzine foi lançado na edição da CAPSLOCK desse sábado - e estive lá para prestigiar, além da festa, a iniciativa. Troquei altas idéias com o povo e estou cheio das inspirações para futuros desenhos e, quem sabe, colaborações.

The zine was unveiled on the CAPSLOCK party last saturday and there I went to support the project. I engaged with so many people in inspiring conversations and got so many ideas that I feel fresh to draw even more.

Foi interessante, para mim, participar dessa edição, numa iniciativa simples e despretensiosa. Meu respeito ao Leandro e à equipe da Capslock, que partilham da idéia de produzir e divulgar suas artes ao invés de ficar só no carão.

It was a good experience, to take part on this nice little project. Thanks to Leandro and the Capslock team, who are into serving talent and thoughts in the club, instead of just giving face.

Se bem que falando em carão, meio que fiz um para a foto, sugestão de Ariel Martini. Mas foi em primeiro lugar para me divulgar, feliz pra caramba. Carão-de-pau. Acho que assim pode.

Speaking of giving face, I quite gave one for Ariel Martini's camera - In my deffense, it was his suggestion - But I had to, in order to display my work, wich made me proud in some ways.